05 de Março de 2021

As dores nas costas estão entre os sintomas de queixas mais comuns do dia a dia das pessoas. Podendo variar entre algo mais leve ou mais intensa, eventual ou constante, elas podem ter várias causas e fatores de risco, mas também diversas formas de prevenção.

Normalmente, as dores se originam ou na coluna vertebral, ou músculos, podendo também ter origem em nervos e outras estruturas na região.


As dores mais comuns podem ser originadas por exercícios praticados de maneira errada ou com carga muito alta (por isso a importância de realizar atividades com acompanhamento), má postura, sedentarismo, hérnia de disco, ciática, artrose, alterações na coluna, quedas, estresse e outros motivos.


Antes de iniciar qualquer tratamento, é preciso uma avaliação rigorosa com profissionais com o objetivo de identificar as razões das dores, a causa associada ao sintoma. O sucesso da abordagem terapêutica está ligada exatamente com o fato de chegar a um diagnóstico conclusivo para que possa abordar com eficácia a origem do problema.


É aqui que a Osteopatia entra, ela é uma das abordagens que apresenta melhores resultados no tratamento das dores nas costas, sendo capaz de abranger com eficácia a maior parte das suas possíveis causas, isso ocorre devido a sua visão geral do problema e pela intervenção global realizada, potencializando os resultados produzidos, dessa forma a osteopatia consegue tratar e melhorar as dores mais rápido e  de forma mais eficaz!


A osteopatia é uma terapia que compreende diversos conhecimentos da estrutura e funcionamento do corpo humano e tem como base aplicar algumas técnicas manuais, semelhantes a massagens, para poder ajudar na recuperação, na manutenção e no restabelecimento do equilíbrio  do corpo. Durante as sessões de técnicas aplicadas, o fisioterapeuta com formação nesta área irá desenvolver, estimular e aperfeiçoar as articulações, os músculos e os nervos. a fim de aliviar dores e melhorar a mobilidade.